Linux: XDirectFB e Wine

ATENÇÃO: Este conteúdo foi publicado há 11 anos. Eu talvez nem concorde mais com ele. Se é um post sobre tecnologia, talvez não faça mais sentido. Mantenho neste blog o que escrevo desde os 14 anos por motivos históricos. Leia levando isso em conta.


Flash e transparencias XDirectFB

Por dica do Paulo Matias (um amigo que conheci no Curso de Programação da OBI deste ano), instalei um CVS do XDirectFB no meu Linux (patchando o Xorg) e estou curtindo bastante! É um sistema bem rápido (mais rápido que o X normal) e que tem transparências nativas muito legais (e instantâneas). O site é directfb.org e para instalar só precisa do DirectFB e do XDirectFB (tem vários outros pacotes lá, mas que não servem para isso). Coloquei alguns screenshots no Flickr. :) O único ponto fraco do XDirectFB (talvez só a versão CVS) é que eu não consegui configurar o teclado (habilitando Xkb e fazendo tudo “direitinho”, o layout do meu teclado US internacional até funciona, mas aí as teclas direcionais param de funcionar!) e tem um bug um pouco esquisito… (aliás, não sei se é um bug ou eles fazem isso por querer): Quando iniciamos uma seção (startx/xinit) ele continua no console 1 e precisamos dar um CTRL+ALT+F7 para ir para o modo gráfico que ele está abrindo… :blink:

E por falar em fotos no Flickr e em evolução no Linux, eu aproveitei o final de semana também para instalar Wine no laptop e já estou conseguindo rodar programas que antes não funcionavam. Eu consegui rodar o Flash MX tranquilamente (mas antes já tinha conseguido) e ficou mais rápido que antes. Também rodei Twinsen’s Odissey (um jogo bem antigo que não roda no WinXP! Hehehe) sem problema algum e Age of Kings (o segundo da série Age of Empires da Microsoft) por alguns momentos. Com a Radeon configurada direitinho e o Wine também, gostei bastante das emulações.

Eu fiz mais coisas ultimamente, mas foram tantas que resolvi separar em dois posts. Portanto, continuo no próximo… ;)

Um comentário sobre “Linux: XDirectFB e Wine

Deixe uma resposta