Arquivo da tag: msn

What a weak insult!

ATENÇÃO: Este conteúdo foi publicado há 11 anos. Eu talvez nem concorde mais com ele. Se é um post sobre tecnologia, talvez não faça mais sentido. Mantenho neste blog o que escrevo desde os 14 anos por motivos históricos. Leia levando isso em conta.

Eu entro na rede do mensageiro da Microsoft uma vez por bimestre. Ontem foi a primeira vez no ano. A placa de rede do meu desktop deu problema e ele é que compartilha a conexão pra mim. Então peguei o cabinho que conecta ao ADSL e pluguei no meu laptop. Aproveitei que estava no MSN pra xingar a Encarta (encarta@botmetro.net), passatempo divertidíssimo para quando você quer insultar alguém, mas não quer fazer isso com nenhum dos seus amigos. É uma ótima maneira de descontar a raiva, a Encarta é um robô muito inteligente. Eis que de repente, quando meus xingamentos já estavam quase acabando, a Encarta me responde:

What a weak insult. There are plenty of humans I talk to with more imagination than that.

E mais pra frente…

Yeah, yeah! I’ve heard worse.

OK. A Encarta ganhou… dessa vez!

Windows Live Messenger

ATENÇÃO: Este conteúdo foi publicado há 12 anos. Eu talvez nem concorde mais com ele. Se é um post sobre tecnologia, talvez não faça mais sentido. Mantenho neste blog o que escrevo desde os 14 anos por motivos históricos. Leia levando isso em conta.

Segundo a Microsoft: O Windows Live Messenger será a próxima geração do MSN Messenger. Ele terá tudo o que você adora no Messenger – sua lista de contatos, seus emoticons, acesso imediato a seus amigos por texto, voz e vídeo, além de incríveis novos recursos para se conectar e compartilhar arquivos com seus contatos. E como sempre, você poderá fazer download e usar gratuitamente a maioria dos recursos.

Eu fui convidado pra testar o primeiro Beta dele e agora posso convidar cinco pessoas para testarem o negócio também. Não tenho pra quem dar os convites; portanto, se alguém quiser, poste um comentário!

Avaliação

Minha avaliação feita em cinco minutos de uso, só conseguindo testar o programa falando com meu irmão do meu lado (era de manhã cedo… hehehe)

  • Design: 2/5 – A Microsoft teve um péssimo gosto. Verde com laranja, uma coisa bem estranha. De qualquer maneira, se você tiver um Windows todo com essas cores até que fica “legal”. Tem uns sombreados e degradês legais. :) Acho que não combina com o meu Windows estilo clássico (ao menos é um WinXP ultra-leve). Mas eu acho que dá pra mudar essas cores, depois vou postar um novo screenshot se conseguir deixar ele “bonito”. :D
  • Novidades: 4/5 – Eu gostei da idéia do compartilhamento de arquivos do novo mensageiro. O plano deles é você poder compartilhar uma pasta inteira e outro usuário poder pegar arquivos dela. Não sei como ninguém pensou nisso antes… Hehehe… Fora isso, não teve nada muito inovador.
  • Usabilidade: 3/5 – É interessante quando você clicar numa pessoa aparecer ícones embaixo dela (essa idéia foi meio copiada do Google Talk, mas tudo bem…). Também gostei da maneira de procurar seus contatos em uma barra que tem em cima da lista (só serve pra você procurar nos seus contatos existentes). Humm… Porém, ainda não se compara ao nosso bom e velho ICQ. :) Eu achei o programa meio “pesadão” e o design dele colabora pra não dar muita vontade de usar… Hehehe

Mercury: The Messenger of the Gods

ATENÇÃO: Este conteúdo foi publicado há 12 anos. Eu talvez nem concorde mais com ele. Se é um post sobre tecnologia, talvez não faça mais sentido. Mantenho neste blog o que escrevo desde os 14 anos por motivos históricos. Leia levando isso em conta.

Continuando com os programas para imigrantes (mas não só pra eles), aí está mais um excelente programa para Linux (e em Windows também funciona!)

Conheci hoje um cliente para a rede do MSN Messenger chamado Mercury. Foi feito em Java, é multi-plataforma e tem todas as funcionalidades do cliente proprietário da Microsoft.

Janela de Conversa no Mercury

O cliente permite que você use winks, emoticons personalizados, mensagens particulares, webcam, “o que você está ouvindo” na mensagem particular, etc e ainda uma série de exclusividades, como a personalização da lista de contatos (usando HTML), mensagem de away, saber quem te excluiu da lista, skins, plugins, aliases (apelidos), conversação em abas e vários outros frufrus.

Lista de Contatos no Mercury

Descobri ele quando meu irmão estava tendo problemas com o aMSN CVS no desktop de casa e fiquei de boca aberta. Como é que eu não conhecia isso antes?

O cara que fez o Mercury o fez de uma maneira bem organizada e, mesmo ele não sendo um software livre, é um excelente programa que merece uma citação aqui no blog. O programa trabalha com vários arquivos XML (pra fazer quase tudo) e suas configurações chegam até a ser chatas de tantas opções que o usuário tem. Por exemplo, ele te dá a opção até de colocar um comando de shell para colocar uma música de outro player (!= Winamp e iTunes) na mensagem particular, e eu fiz pro AmaroK:

#!/bin/bash
# playing.sh | AmaroK, what's playing?
 
resultado=`dcop amarok player nowPlaying`
if [ "$resultado" = "call failed" ]; then
        echo ""
else
        echo $resultado
fi

A instalação do Mercury é super simples (é um arquivo binário, aonde você vai dando “Nexts”) e um “defeito” do programa seria não colocar um ícone no System Tray automaticamente; defeito que corrigi adicionando ao início do arquivo ~/runMercury:

options="-Djava.library.path=/home/usuario/Mercury"

Meu irmão criou uma comunidade no Orkut para o mensageiro.

Programas legais para imigrantes

ATENÇÃO: Este conteúdo foi publicado há 12 anos. Eu talvez nem concorde mais com ele. Se é um post sobre tecnologia, talvez não faça mais sentido. Mantenho neste blog o que escrevo desde os 14 anos por motivos históricos. Leia levando isso em conta.

Esta semana testei dois programas bastante interessantes principalmente para quem está migrando do Windows. São eles: AmaroK e aMSN CVS (o aMSN estável eu já tinha usado, só que esse tá bem mais legal). Me senti na obrigação de fazer propaganda desses dois excelentes programas (softwares livres) que eu conheci…

AmaroK tocando Chico Buarque

O AmaroK é uma espécie de iTunes rodando em Qt. Tem vários recursos interessantes e organiza a biblioteca de várias maneiras interessantes. É leve e, mesmo não tendo recursos como as “Smart Playlists” e baixar podcasts de feeds RSS é bem legal. Uma excelente idéia pra quem usa Linux! E com certeza é bem melhor que o Windows Media Player (para player, tem recursos semelhantes, e é bem mais leve).

aMSN CVS rulez!

O aMSN está também em constante evolução. Há algum tempo, ele era uma coisa bem limitada em relação ao MSN Messenger da Microsoft, mas agora já conta com vários recursos legais como webcams (talvez o recurso mais interessante), pedidos de atenção, emoticons personalizados e tem recursos que o próprio mensageiro da Microsoft não tem, como: nome usado apenas na conversa, estados personalizados, saber na lista de quem você está e na de quem você não está, saber quando o usuário abre/fecha a janela, usar quebras de linha no nome, pegar avatar de seus amigos, vários skins, plugins adicionais, além de ser software livre e você poder modificar o que você quiser!

Coisas legais que encontrei na internet

Já que eu não tenho Del.icio.us (eu não sinto necessidade), eu costumo não compartilhar os links legais que acesso, mas agora vou começar a colocar alguns deles aqui na minha página para vocês conhecerem. Dos últimos dias, tenho quatro coisas legais para sugerir:

Agora vou falar um pouco de música…

O André, percussionista do nosso grupo de choro, na última hora não pôde comparecer à Noite da Declamação do Colégio ontem e por isso eu e o Bruno (meu irmão) tocamos apenas músicas solo. Resolvemos, ao invés de tocar choro, tocar música clássica. O Bruno apresentou Bachianinhas No. 1 (Paulinho Nogueira) e eu Marcha Turca (Mozart). Até que ficou legal…

Hoje saí da aula faixa de português (aêê!) pra ensaiar para o trabalho de física que eu, o Ivo e o John estamos fazendo sobre Acústica. Nós vamos gravar vários sons para colocar exemplos das qualidades do som…