Bram Mooleenar vs. Bill Gates

ATENÇÃO: Este conteúdo foi publicado há 11 anos. Eu talvez nem concorde mais com ele. Se é um post sobre tecnologia, talvez não faça mais sentido. Mantenho neste blog o que escrevo desde os 14 anos por motivos históricos. Leia levando isso em conta.

A maioria das pessoas que ouvem “software livre” ou “free software”, se é que já viram esse termo antes, imaginam um programa de computador gratuito. A filosofia por trás do software livre vai muito além disso, mas não é meu objetivo nesse post falar dela. Meu objetivo é falar sobre o projeto de Bram Mooleenar, criador e mantenedor de um dos editores de texto para programadores mais populares do mundo, o Vim.

Bram criou uma organização não-governamental para ajudar as crianças que sofrem com o alto índice de HIV no sul da Uganda, na África. Ele desenvolve o Vim a troco de doações para esta fundação, a ICCF.

The south of Uganda has been suffering from the highest HIV infection rate in the world. Parents die of AIDS, just when their children need them most. An extended family can be their new home. Fortunately there is enough food in this farming district. But who will pay their school fees, provide medical aid and help them grow up? That is where ICCF Holland helps in the hope that they will be able to take care of themselves, and their children, in the long run.

98% do dinheiro doado para o desenvolvimento do Vim vai para a ICCF ajudar crianças pobres da Uganda. Bram Mooleenar não é nem milionário, ele desenvolve um excelente editor livre para todo mundo, de graça e nem as doações dos usuários satisfeitos com o Vim vão pra ele!

Enquanto isso, o bilionário Bill Gates é premiado e agraciado por ser o “cidadão solidário”: cobra um absurdo em seus programas falhos que não podem ser adaptados para uso especial e doa menos de 5% de sua fortuna para a sua fundação depois de anos de ganância e com uma grana que ele nunca conseguiria usar de qualquer maneira.

Bill Gates

Ótimo… Eu não entendo mais nada.

4 comentários sobre “Bram Mooleenar vs. Bill Gates

  1. Bill Gates não cobra por software. A Microsoft faz isso. Há uma diferença entre a pessoa jurídica e a pessoa física.

    A Fundação Bill e Melinda Gates, que foi criada com a fortuna pessoal do casal e donativos. Warren Buffet, um tubarão dos negócios fez a maior doação pessoal da história, superando até mesmo o Rockefeller (a Standard Oil foi quebrada em 7 partes, dando origem a Texaco, Exxon, etc).

    Outra coisa, você sabia que a fundação do casal Gates fez mais donativos e ajudou mais gente na África que a ONU? Os investimentos deles superam o Banco Mundial?

    Não deixe o veneno anti-Microsoft atrapalhar idéias e misturar alhos com bugalhos.

  2. Outra coisa, você sabia que a fundação do casal Gates fez mais donativos e ajudou mais gente na África que a ONU? Os investimentos deles superam o Banco Mundial?

    Não sabia não, mas realmente 5 bilhões de dólares é muito dinheiro. Quando eu penso no meu futuro, eu não pretendo ter essa grana.

    Você tem razão quando afirma que as doações da fundação de Bill são muito grandes e ótimas para o mundo. Só que eu acho que cinco bilhões de dólares significam menos pro Bill do que alguns milhares representam pro Bram.

    O pouco do Gates é muito mais do que o muito do Bram Mooleenar e a sua ajuda é ótima para o mundo, mas, na minha opinião, ele não é “o cidadão solidário do ano”. Ele continua bilionário, ele não está perdendo nada pra ajudar essas pessoas. O que eu quero dizer não é que ele não ajuda ou que a sua ajuda não seja muuuuuuuito maior que a de outras pessoas, mas é que pra ele isso é mínimo! Ele podia doar muito mais com a grana que ele tem. Ele podia fazer muito mais pra mudar o mundo, agora as pessoas falam dele como se ele fosse um anjo quando faz uma doação, grande mas pequena perto do dinheiro dele, depois de mais de 20 anos de ambição.

    Sou muito mais fã do Bram, que só fica com 2% das doações do Vim pra ajudar pessoas.

    Bill Gates não cobra por software. A Microsoft faz isso. Há uma diferença entre a pessoa jurídica e a pessoa física.

    Bom… Realmente há uma diferença, mas não acho que seja uma diferença tão grande quando você fala de um cara que não só fundou a Microsoft com Allen como presidiu-a até 2000 (acho que é isso, mas não tenho certeza não, corrija-me se eu estiver errado)

    Não deixe o veneno anti-Microsoft atrapalhar idéias e misturar alhos com bugalhos.

    É… confesso que inconscientemente isso pode influenciar no meu pensamento também, mas tenho esse veneno porque sou vacinado. ;)

  3. Bill Gates não dou 5.000.000.000 e sim US$28.000.000.000 (Metade da fortuna dele na epoca) e irá doar toda sua fortuna pessoal quando da sua morte.

    Bill Gates não precisaria doar nada, nem um unico centavo, mas ele faz isso e faz melhor que a ONU então acho que tentar criticar a atitude dele é uma coisa sem noção.

Deixe uma resposta